Elisa Monteiro

elisamonteiro@adufrj.org.br

(Última atualização em: 12/04/2018)


A Adufrj realiza nesta quinta-feira, 12 de abril, o debate “Segurança pública, violência e direitos humanos”. O evento é promovido em parceria com professores do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais e o Instituto de História. Transmissão será iniciada às 18h30.

A atividade faz parte de uma campanha de mobilização da associação docente pela apuração dos assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL) e de seu motorista, Anderson Gomes. Os crimes aconteceram em 14 de março, mas até agora ninguém foi punido.

“Será uma discussão sobre as graves violações de direitos humanos em curso. O caso de Marielle é emblemático, mas não é isolado”, explicou a professora Maria Paula Nascimento Araujo, do Instituto de História e diretora da Adufrj. O debate está marcado para as 18h, na sala Celso Lemos (308), no Largo de São Francisco de Paula, nº 1, Centro.

Na mesa, estarão Cunca Bocayuva, professor da UFRJ e coordenador da especialização (lato sensu) em Políticas Públicas e Cultura de Direitos do NEPP-DH; Lea Tiriba, educadora e ambientalista da Unirio; Michel Gherman, pesquisador do Núcleo de Estudos da Política da UFRRJ; e Monique Cruz, pesquisadora da ONG Justiça Global.

“Nós convidamos tanto professores especialistas em direitos humanos quanto militantes da área, porque avaliamos que a universidade deve ser o espaço de troca de saberes”, complementou Maria Paula.

ADICIONAR COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

(*)

(*)